As principais dúvidas sobre o corte a plasma

As principais dúvidas sobre o corte a plasma

O corte a plasma é um processo inovador e extremamente eficiente, que apresenta a função de cortar diferentes categorias de metais. Para isso, é utilizado um bico com um orifício que constringe o gás ionizado em uma temperatura alta.

O método é amplamente empregado em indústrias, visto sua capacidade de precisão e agilidade.

Mesmo assim, ainda existem algumas dúvidas frequentes sobre o funcionamento do corte plasma, bem como sobre a máquina de corte a plasma e outros elementos que fazem parte do trabalho.

A Megaplasma esclarece as principais questões que envolvem o procedimento. Confira!

O que é plasma?

Explicar sobre o plasma é complexo, mas vamos lá! Na ciência, há três estados básicos da matéria, que se distinguem pelos diferentes níveis de energia relativa.

O plasma, no entanto, é como um quarto estado de matéria. Isso porque, ao adicionar bem mais energia ao vapor e comprimindo-o, ele se decompõe em diferentes gases. Esses gases, em alta temperatura, criam o plasma.

Assim, o elemento é capaz de executar o corte de materiais resistentes, como o aço e o alumínio, com o auxílio de acessórios, como o bico de corte a plasma.

Quais os principais gases usados no procedimento?

O processo para o corte de materiais funciona por meio de um gás ionizado. Ele exerce o papel de condução elétrica de um jato plasma, que atua em cima de superfícies metálicas (aço inox, alumínio, carbono, entre outras).

Anteriormente, é feita uma seleção de gases diferentes que, unidos, formam o gás do corte. Entre eles, estão o oxigênio, o nitrogênio e o gás argônio-hidrogênio.

O que proporciona a qualidade no corte?

A qualidade do corte de plasma é uma de suas principais vantagens. Ao final da operação, a superfície fica suave e sem rebarba. Isso está associado ao estado dos consumíveis e da máquina de corte a plasma.

Afinal, esses acessórios são responsáveis pelo correto funcionamento do equipamento e, com o tempo, precisam ser substituídos, pois se desgastam.

Além disso, a capacidade do trabalho depende dos ajustes e parâmetros, tais como a distância da tocha plasma, pressão do gás, habilidade do operador e alinhamento com a obra.

Qual a função da tocha de plasma?

A tocha de plasma é um elemento fundamental para o corte, pois define sua qualidade. Seu uso garante a durabilidade dos consumíveis de plasma, melhora a produtividade e ainda diminui o custo do serviço.

Em síntese, a tocha faz com que o sistema de corte funcione com máximo desempenho.

Quando o corte a plasma foi descoberto?

Surgem muitas dúvidas sobre a origem do corte a plasma. Quando surgiu essa técnica tão eficaz? Bom, ela foi desenvolvida nos anos de 1950 por engenheiros da época. Eles descobriram que era possível elevar a temperatura de um gás, passando por uma ionização.

Fato é que, com os avanços tecnológicos, o corte de plasma foi aprimorado e difundiu-se pelo mundo. Hoje, é um dos principais métodos para o manuseio de metais.

Conte com a Megaplasma!

A Megaplasma, com mais de 20 anos de experiência no mercado, oferece opções qualificadas de consumíveis e acessórios de corte plasma. Confira nossos produtos e acessórios para deixar o seu corte a plasma ainda melhor.

Agradecemos seu interesse!

Precisamos de alguns dados