Banner 050501
Banner 0303
Banner 0101
previous arrow
next arrow
Diferença do corte a plasma em alta definição

Diferença do corte a plasma em alta definição

A história do processo de corte a plasma é marcada por inovações mecânicas e também pelo aprimoramento de técnicas. Isso fez com que o método de secção de metais fosse o mais requisitado em indústrias, até por sua consistência, eficiência e agilidade. No entanto, o corte de plasma em alta definição chegou para alavancar essas características com a grande tecnologia empregada.

Acompanhe a leitura e confira as principais diferenças do procedimento!

Desempenho e consistência do processo

O desenvolvimento do corte de plasma em alta definição se dá pela incorporação de tecnologias que, até então, não tinham sido utilizadas. Principalmente, por seus custos elevados. 

Uma das evoluções é a criação do processo Hyperformance, denominado também como plasma de alto desempenho. Ele permite que o procedimento seja bem superior ao corte convencional. Além disso, consome uma reserva de energia consideravelmente menor.

Qualidade de corte

O corte plasma em alta definição utiliza o gás plasma que praticamente elimina o chanfro. Ou seja, evita as arestas que acidentalmente podem aparecer na secção de um material metálico, como chapa de aço inox. Também não gera escória, subproduto de manipulação do material manuseado.

Isso é possível por conta de um canal extra, usado para a saída do excesso de gás plasma. Esse canal possibilita um corte com bem mais qualidade, assegurando bons resultados para o projeto, sem desperdício de energia ou material. 

Vida útil das peças do maquinário

Visto que a peça é submetida ao procedimento de corte, é relevante que o maquinário apresenta boa durabilidade. Sendo, obviamente, adequado para a fabricação em massa dos produtos da indústria. Com os avanços inseridos no corte com plasma em alta definição, há uma proteção da caneta, deixando-a conservada por um período maior. 

Em síntese, o método em alta definição permite o corte de chapas de aço por maior tempo. Dispensando, desse modo, a necessidade de manutenção do bocal e também de seus canais para a saída de gás plasma.

Velocidade do corte a plasma em alta definição

Como dissemos, o processo tem uma saída de gás expelido através de um bico de plasma de tamanho reduzido. Esse fator impacta, também, na velocidade do corte. Diferentemente do método convencional e do oxicorte, o corte a plasma em alta definição cria uma força que aumenta a velocidade do corte. Isso acontece pela presença da tecnologia do jato auxiliar. Naturalmente, o ângulo é reduzido.

Na Megaplasma, você encontra todas as ferramentas e acessórios necessários para otimizar o processo de corte de metais, como consumíveis para plasma.

Agradecemos seu interesse!

Precisamos de alguns dados